Reunião do GANT/COMAT trata da norma de Diretrizes e princípios gerais de impermeabilização

No dia 29 de abril, o Grupo de Acompanhamento de Normas Técnicas da COMAT/CBIC realizou sua 3ª Reunião Ordinária de 2024, para discutir os assuntos:

ABNT NBR 9575-1 – Impermeabilização. Parte 1 – Diretrizes e princípios gerais de impermeabilização – projeto, execução, avaliação, uso e manutenção.

Normas Técnicas em elaboração, revisão ou em Consulta Nacional.

Participação do GANT no 98º ENIC.

O Líder do GANT, Lydio Bandeira, convidou a coordenadora da CE-022:000.001, Cirene Paulussi Tofanetto e o secretário, Flávio de Camargo Martins, para atualizar os membros do GANT a respeito do texto da ABNT NBR 9575-1, em elaboração na CE.

Conforme comentado pelo Flávio de Camargo a ABNT NBR 9575 será dividida em partes, a primeira contemplando as diretrizes para qualquer tipo de obra, e as outras partes as diretrizes de acordo com a tipologia de construção:

ABNT NBR 9575 – Parte 1 – Diretrizes para Projeto, Execução e Manutenção;
ABNT NBR 9575 – Parte 2 – em edificações;
ABNT NBR 9575 – Parte 3 – em obras hidráulicas e saneamento;
ABNT NBR 9575 – Parte 4 – em pontes e viadutos.

Ressaltou ainda, como mudança da revisão proposta anteriormente, em 2022, das ABNT NBR 9575 e ABNT NBR 9574, a inclusão de temas relevantes como a vida útil, o controle de qualidade de serviços e materiais, avaliação da conformidade, e manutenção periódica da impermeabilização.

Flávio apresentou também os conceitos gerais mais importantes discutidos nesta revisão, presentes na Seção Terminologias:  área impermeabilizada, caimento da área impermeabilizada, estanqueidade, impermeabilidade, impermeabilização, impermeabilização manutenível sem quebra, impermeabilização manutenível com quebra, impermeabilização não manutenível, infiltração, resistência a fissuração, sistema de impermeabilização, vida útil da impermeabilização, entre outros. Ressaltou também conceitos de serviços: acompanhamento dos serviços de execução da impermeabilização, aplicação da impermeabilização, instalação da impermeabilização, avaliação da conformidade, entre outros.

Outros capítulos da ABNT NBR 9575-1 vão tratar das diretrizes para o projeto (Seção 4), classificação dos tipos de impermeabilização (Seção 5), requisitos de desempenho na camada impermeável (Seção 6), caracterização das camadas que podem compor o sistema de impermeabilização (Seção 7), diretrizes e requisitos para a execução (Seção 8), diretrizes e requisitos para controle de qualidade da execução (Seção 9), diretrizes gerais para avaliação da conformidade da execução (Seção 10), diretrizes gerais para a manutenção e reforma de estruturas impermeabilizadas (Seção 11).

Flávio deu também um panorama do status atual dos trabalhos: finalização do texto para envio à Consulta Nacional ainda em 2024; compatibilização com ABNT/CB-002 em relação à parte 2 da Norma, requisitos específicos, compatibilização com demais sistemas da edificação, harmonização com as demais normas de projeto e a norma de desempenho de edificações habitacionais, a ABNT NBR 15575.

Após o debate e os agradecimentos, Lydio Bandeira conduziu as discussões dos dois outros pontos da pauta, com destaque para o debate a respeito da norma em revisão ABNT NBR 7199 Vidros na construção civil – Projeto, execução e aplicações.

Para acompanhar estas e outras alterações de normas técnicas do setor da construção, acesse o Portal de Normas Técnicas da CBIC. O cadastro, gratuito, dá acesso às informações destas e de outras Normas ABNT.

 

The post Reunião do GANT/COMAT trata da norma de Diretrizes e princípios gerais de impermeabilização appeared first on CBIC – Câmara Brasileira da Industria da Construção.