Inês Magalhães destaca avanços e projetos para habitação durante o ENIC

Durante sua participação no 97º Encontro Nacional da Indústria da Construção (ENIC), a vice-presidente de Habitação da Caixa Econômica Federal, Inês Magalhães, abordou os avanços e perspectivas para o setor habitacional no Brasil.

Inês destacou que 2023 foi marcado por um processo de reconstrução, especialmente com a reintrodução do programa Minha Casa, Minha Vida na Faixa 1, visando atender os brasileiros mais vulneráveis. “Estamos com processo de contratação de 170 mil unidades nesta modalidade”, revelou. 

O balanço apresentado pela vice-presidente ressaltou ainda as melhorias nas taxas de juros, o aumento do subsídio e a extensão dos prazos de financiamento, possibilitando contratos de até 420 meses. “Esse conjunto de alterações propiciará que a gente chegue aos três dígitos de investimentos com os financiamentos do FGTS”, afirmou. 

Mesmo diante dos desafios, a vice-presidente salientou que o Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) financiou mais de R$ 70 milhões de habitações, mesmo com as dificuldades relacionadas à captação na poupança e às taxas de juros elevadas.

A executiva também mencionou os investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), nos quais a Caixa desempenha papel crucial, seja no financiamento de infraestrutura ou nos investimentos em saneamento. 

“Acho que é um momento de reflexão dos novos desafios, mas também de celebração. E [o resultado] é uma prova, uma demonstração que os investimentos estão interligados com a diminuição das desigualdades e melhoria da condição de vida de todos os brasileiros”, finalizou Inês. 

Para conferir a entrevista completa com Inês Magalhães, clique aqui ou acesse o perfil oficial da CBIC no Instagram.

The post Inês Magalhães destaca avanços e projetos para habitação durante o ENIC appeared first on CBIC – Câmara Brasileira da Industria da Construção.