Selic volta a cair e atinge menor patamar desde maio de 2022

O Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) reduziu pela terceira vez consecutiva a taxa Selic, que passou a ser de 12,25% a.a., o menor patamar desde maio de 2022. O processo de afrouxamento monetário teve início em agosto de 2023 e, desde então, os juros caíram 1,5 ponto percentual. Mesmo assim, eles permanecem em patamar bastante elevado.

A expectativa é de que na próxima reunião do Copom, em dezembro,  a taxa volte a ter uma nova redução de 0,5 ponto percentual, encerrando 2023 em 11,75%. Já a pesquisa Focus, divulgada semanalmente pelo Banco Central, projeta que a Selic encerre 2024 em 9,25% a.a. Para 2024 espera-se a continuidade do processo de queda.

Na avaliação da economista da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), Ieda Vasconcelos, apesar da expectativa de novas quedas da Selic, existem preocupações no cenário interno e no cenário externo. “As incertezas em relação às contas públicas do país e os juros elevados nas economias desenvolvidas podem impedir uma aceleração no processo de redução da Selic”, diz.

Acesse a íntegra do Informativo Econômico da CBIC.

A ação integra o projeto “Inteligência Setorial Estratégica”, realizado pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), em parceria com o Serviço Social da Indústria (Sesi Nacional) e com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai Nacional).

The post Selic volta a cair e atinge menor patamar desde maio de 2022 appeared first on CBIC – Câmara Brasileira da Industria da Construção.