Renato Correia assume compromisso de avançar no fortalecimento do setor

Empossada solenemente na noite do dia 16/08, a nova gestão do Conselho de Administração, Conselho Consultivo e Fiscal da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) e dos representantes junto à Confederação Nacional da Indústria (CNI) e à Federação Interamericana da Indústria da Construção (FIIC) reforçou que a entidade dará continuidade ao diálogo e à parceria, duas habilidades que traduzem a missão e o modo CBIC de atuar desde sua fundação, há 66 anos.

A cerimônia foi realizada no auditório da Confederação Nacional da Indústria (CNI), em Brasília. Com a presença de autoridades dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, empresários e profissionais do setor da construção e imprensa, o Conselho de Administração assumiu o compromisso de respeitar o legado da CBIC e contribuir para o fortalecimento do setor da construção. “É para isso que nossa entidade foi criada e é para isso que assumimos juntos esse honroso desafio”, mencionou o presidente da Câmara Brasileira, Renato Correia.

Dentre as prioridades da nova gestão, defendeu avanços na direção de uma construção mais industrializada, agregando valor à atividade. “Podemos fazer mais com menos, com melhor remuneração do trabalhador, maior formalização e segurança”, frisou.

Além disso, defendeu como essencial a recuperação do investimento público na infraestrutura e na habitação, segmentos em que a contribuição e o potencial da construção são incalculáveis.

O dirigente informou que a CBIC atuará pela ampliação dos recursos alocados no orçamento geral da união, pelo fortalecimento do SBPE, pela proteção do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), mecanismo estratégico para a habitação, que tem tido inúmeras tentativas de utilização em desacordo com suas funções de origem – o suporte financeiro do trabalhador na perda do emprego, financiamento de habitação de interesse social e saneamento. assim como estimularemos a estruturação de outras fontes de financiamento, abrindo novas oportunidades e tornando mais amigável o mercado de capitais, especialmente para empresas pequenas e médias.

Salientou ainda que as empresas do setor estão prontas para apoiar o governo federal na busca pela retomada do crescimento, mas precisa de consistência e previsibilidade: compromisso com a efetiva destinação de recursos, pagamento das faturas em dia e remoção de gargalos. “Havendo horizonte claro e previsibilidade, é possível treinar e manter o trabalhador do setor entregando ainda mais e melhor”, disse.

“Na Agenda do Desenvolvimento, a CBIC continuará trabalhando pela construção de um Brasil melhor, mais justo e com oportunidade para todos. Nossa gestão será guiada pelo que aprendi com o nosso ex-presidente Luis Roberto Ponte: sendo bom para o Brasil e bom para os brasileiros, podem contar com a CBIC”, enfatizou Renato Correia.

Bastante emocionado com as homenagens do dia, o presidente do Conselho Consultivo e representante da CBIC junto à FIIC, José Carlos Martins, mencionou sua satisfação, após nove anos à frente da entidade, em passar o comando da entidade ao seu amigo Renato Correia. “Chega junto com ele uma nova geração de líderes que continuará a construir a história da CBIC, da construção e do Brasil”.

“Avançamos muito, mas ainda muito pouco perante o que precisamos. Para isso, são fundamentais união e posicionamento firme perante os temas sensíveis da vida brasileira. A construção precisa ser entendida e colocada como protagonista e indutora do crescimento econômico, ancorada na geração maciça de emprego e renda, na pulverização do emprego formal, no provimento das condições necessárias à melhoria da competitividade da economia e da dignidade humana”, salientou Martins.

Íntegra do discurso do presidente da CBIC, Renato Correia.

Íntegra do discurso do presidente do Conselho Consultivo da CBIC, José Carlos Martins.

As fotos da cerimônia de posse estão disponíveis no site da CBIC.

The post Renato Correia assume compromisso de avançar no fortalecimento do setor appeared first on CBIC – Câmara Brasileira da Industria da Construção.